Ainda estamos em janeiro e, com a proximidade do Carnaval, muita gente tem se perguntado se vale ou não à pena tirar alguns dias de folga. Vou tentar compilar tudo o que tenho visto e lido aqui, de modo a (não) lhe dissuadir a sair de férias.

Não garanto um ponto de vista neutro, mas tentarei lhe divertir um pouco com uma visão pessimista do mundo! Confira:

  1. Se tivermos poucos bons editais em 2016, ou seja, com farta oferta de vagas, todo tempo é fundamental para se dedicar aos estudos, contando que a concorrência será mais acirrada. Afinal estamos falando de Banco do Brasil, Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Correios e, quem sabe, Receita Federal.
  2. Se você está muito cansado, quase estafado e estressado por conta das poucas oportunidades que 2015 concedeu a você, pense o quanto devem estar seus concorrentes que, além disso, podem não estar em condições financeiras tão favoráveis e que, por isso, SÓ pensam em ser aprovados.
  3. 90% das pessoas que saem de férias, reclamam ter ganhado uns quilos a mais. Se férias engordam, evite-as o quanto puder.
  4. Sempre que voltamos das férias, demoramos um tempo até ganhar velocidade e condicionamento mental para o trabalho e para os estudos. Então é melhor nem perder tempo desacelerando.
  5. A não ser que você decida ficar em casa em suas férias, colocando sua vida em ordem, a decisão por alguns dias fora lhe custará algum dinheiro. E como em 2016 esse artigo será coisa rara, decida por não sair de férias e não gastar esse suado (por alguém) dinheiro. Ele pode ser muito útil na compra de um novo material ou curso.
  6. Sempre temos uma pontinha de “depressão” quando voltamos à nossa rotina, lembrando o tempo todo de como foram maravilhosos aqueles dias na praia, junto com a família…então vem a depressão. Pois é, não está dando pra ficar deprimido não, pois atrapalham as metas. Continue estudando e tudo ficará bem quando você for aprovado.
  7. Já reparou quantas são as crianças que nascem em novembro? Ou seja, 9 meses depois do Carnaval. Está pronto para essa missão maravilhosa (sem piadas aqui, já que é a melhor coisa do mundo)?
  8. Muitas são as pessoas com hábitos etílicos. E em férias, acabam por exercitar esse hábito com mais frequência. E beber queima neurônios. E você não está podendo desperdiçar nem unzinho deles!
  9. Em 10 dias férias, terá sido consumido tempo suficiente para estudar uma boa doutrina de mais ou menos 800 páginas. Sem chance de abrir mão de um tempo desses.
  10. E a culpa das férias? Você lá na praia, na maior onda boa, curtindo a “vibe” de quem já tem um futuro garantido, enquanto alguém está estudando pra tomar seu lugar do Diário Oficial da União

 

Enfim, (não) sair de férias é a melhor pedida para recarregar as energias para um 2016 de grandes conquistas!

Bons estudos, ou melhor, férias (:

 

Por Leonardo Pereira

Diretor Acadêmico do IOB Concursos

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *